ASPRA-TO: ASPRA faz visitas institucionais na capital em defesa de interesses de militares da região sul
ASPRA faz visitas institucionais na capital em defesa de interesses de militares da região sul
ASPRA vai a capital em prol dos militares da região sul
ASPRA faz visitas institucionais na capital em defesa de interesses de militares da região sul

A Associação das Praças e Servidores Militares do Tocantins(ASPRA Tocantins), com sede em Gurupi esteve por meio de seu Presidente, Cabo Jenilson e do Dr. Iran Ribeiro, membro da Assessoria Jurídica da entidade visitando instituições e apoiando as ações da entidade.

 

O Presidente da entidade esteve junto na oportunidade participando do Manifesto pela Data-Base que iniciou com uma caminhada de servidores do Quadro Geral por volta de meio dia na frente da Secretaria de Administração (SECAD) e percorreram as demais secretarias vestidos de preto em prol do pagamento da Data Base 2012 que ainda não foi negociado e nem tão pouco apresentado proposta do Governo do Estado para pagamento da reposição das perdas salarias dos últimos doze meses de todos os servidores do executivo estadual. 

 

Em seguida o Cabo Jenilson e a Assessoria Juridica estiveram no Instituto de Previdencia e Gestão Previdência do Estado (IGEPREV) buscando a celebração de Convênio IGEPREV/ASPRA para desconto de serviços de militares do estado da inatividade e pensionistas associados junto a ASPRA-TO PM/CBM.

 

Na parte da tarde os representantes estiveram no Quartel do Comando Geral da Polícia Militar, para visitarem os militares recolhidos desde o último dia 27/11, na qual foi constituída a pedido dos associados a defesa jurídica de 4 militares da PM-TO. A ASPRA vem apoiando e dando assistencia aos militares e familiares desde o dia da apresentação dos mesmos na unidade militar do 4 º BPM. O advogado da entidade, também diligenciou junto a DEIC de Palmas e a Superintendência de Policia do Interior(SPI/SSP) para apresentar as procurações de representação jurídica apartir daquela data junto as autoridades responsaveis pela investigação.

 

Em audiência com o Comando Geral da PM-TO, Coronel Benício, o presidente da entidade esteve conversando com o Comandante Geral sobre as promoções de dezembro que se aproxima, na qual foi atendido e recebeu informações quanto aos estudos que tem sido feito pelo Comando e sua assessoria, e que o Ato de Promoções de dezembro será feito com a legalidade e a cautela necessária. "As promoções estão sendo analisadas caso a caso. Enquanto Comandante Geral tenho preservado nesses estudos o que prevê a Lei de Promoções e além disso tenho me empenhado para conseguir proporcionar justiça nesse ato que creio será até dia 31 de dezembro." finalizou o Coronel Benício.

 

A ASPRA-TO finalizou o dia de ações na capital visitando alguns órgãos protocolando documentos de interesse da classe militar, principalmente de associados assistidos pelo serviço jurídico.

 

Ascom ASPRA-TO

asprato

07/12/2012



Leia por assunto: Institucional